quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Nas sombras

Fui pego de jeito
ao deitar
não foi surpresa
cedo ou tarde aconteceria
então apenas aconteceu
meus pensamentos em ti
Não vou dizer se é bom ou ruim
a tempos que não sentia isto
mesmo porque eu não sei
como dizer as palavras,
simplesmente prefiro assim pensar
"apaixonado"
Mas hoje senti falta
como não poderia?
hoje pensei mais do que costume
os toques e carinhos
Então percebi
meus desejos
quero eu realmente isto?
ter-te em meus braços
Sim, mais do que a própria vida
pela eternidade. 
É a consequência de viver? ou
Filosofia da vida,
Viver é conquência?
mundos pelos quais
Apenas escrevo
as palavras ocultas e
espero
a visão além da poesia
Pelo dia de amanhã
você.

Um comentário:

Marcia Silva disse...

Saudações!! Obrigada pela visita e apoio!!
Adorei o poema, aliás és um grande poeta! Vejo que tens uma facilidade imensa para escrever poemas, desejo sucesso! ^^